Ursos Polares

by

Segundo um relatório da US Geological Survey, estima-se que em 2050, 2/3 da população de Ursos Polares irá desaparecer devido às mudanças nas geleiras. Atualmente há cerca de 20.000 a 25.000 ursos polares vivendo no Ártico, incluindo Canada, Alaska, Russia, Noruega e Dinamarca.
Muitos cientistas consideram o relatório ainda muito conservador, pois ainda não há um modelo que consiga estimar o declínio atual do gelo ártico ainda.
“We now have official confirmation that the largest living land predator is going to go extinct in our lifetime” (mau e porcamente: Agora nós temos uma confirmação oficial que o urso polar está caminhando para a extinção), disse Dr Neil Hamilton, diretor do WWF Arctic Programme.
Modelos aprensentados mostram que os ursos polares dependem do gelo ártico para sua sobrevivência, pois é nas plataformas de gelo que encontram sua fonte de alimentação primária. Infelizmente os estudos também mostram que as geleiras estão diminuindo cada vez mais devido aos problemas climáticos.

Há alguns dias, estava conversando com a Paula, do Rastro de Carbono, justamente sobre os impactos do aquecimento global; gostaria de deixar a resposta que ela me deu sobre alguns questionamentos sobre como neutralizar o CO2:

A gente pode neutralizar plantando árvores. (Veja minha postagem sobre neutralização de carbono). A idéia é retirar da atmosfera a maior quantidade de CO2 possível e as plantas fazem isso com maestria. Mas todos os cálculos feitos pra isso usam uma árvore hipotética que deve viver por no mínimo 20 anos… Difícil né? E não dá pra neutralizar tudo, ou não vai ter espaço no mundo pra tanta árvore…
A emissão ideal segundo os especialistas do IPCC é tentarmos voltar para o nível de emissões que tínhamos em 1990. Não sei qual seria a emissão per capita/por país ideal, mas voltar ao nível de 1990 significa cortar em quase 70% tudo que (mundialmente) emitimos hoje. Dureza, mas absolutamente possível com investimentos corretos!

Fonte: WWF-Internacional

3 Respostas to “Ursos Polares”

  1. Rick Says:

    Rapaz, o mundo pode muito bem neutralizar isso, mas infelizmente poucos fazem algo \;

  2. Emily-SemQuererSaiu Says:

    eu sei que eu quero morrer antes do mundo acabar com essas catástrofes..rs

  3. Paula Says:

    Fala Marcelo!

    Bom… se os ursos polares são a maior preocupação da WWF estamos fritos! Rapaz! Isso é que é saber lidar com a imagem. Usamos ursos polares, ursos pandas, tartarugas marinhas, golfinhos, mas e o resto??? E as restrições de água e comida pra população mundial? E os lagartos? As árvores? Os fungos e as bactérias? Não gosto muito quando a imprensa em geral utiliza de notícias tipo “apocalipse” pra falar das coisas, viu? Isto não traz expectativas de mudança na população, nem sequer incentiva ações. Os ursos polares não são mais nem menos importantes que todos os outros organismos viventes. E não, não entrarão em extinção se conseguirmos cumprir nossas metas de redução e frearmos o aquecimento global.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: